Texto Maior
Texto Maior
Texto Maior
Texto Menor
Texto Menor
Texto Normal
Texto Normal
Contraste
Contraste
Libras
Libras
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Acesso à informação
Acesso à informação

Garça, Quarta-feira, 08 de Julho de 2020 Telefone (14) 3407-6600

Atendimento Atendimento: De Segunda a Sexta das 8:00 às 17:00 Horas

Ter
07/07
30 °C
17 °C
Índice UV
5.0
Quar
08/07
28 °C
18 °C
Índice UV
5.0
Quin
09/07
23 °C
9 °C
Índice UV
5.0
Sext
10/07
25 °C
14 °C
Índice UV
5.0

Meio Ambiente e Agricultura - Sexta-feira, 31 de Agosto de 2018

Notícias por Categoria

Produtores da Sustengar participam de curso sobre manejo integrado de pragas


Durante toda esta quinta-feira, dia 30, produtores de hortifrúti de Garça e região participaram de um curso técnico promovido pela CATI, Coordenadoria de Assistência Técnica Integral – EDR – Escritório de Desenvolvimento Rural de Marília, sobre manejo integrado de pragas.

O evento foi realizado em duas etapas. A teórica foi ministrada no Barracão do Agronegócio e a parte prática, nas propriedades do Banco da Terra, onde se concentra a maioria dos produtores da Sustengar, associação que fornece hortifrútis para merenda escolar.

O curso faz parte de um programa que envolve, também, questões de segurança alimentar. A escolha dos temas abordados foi feita pela CATI, a partir de um diagnóstico realizado com os produtores de hortifrutigranjeiros da região, sobre os principais problemas operacionais enfrentados por eles.

Os produtores apontaram quatro ações necessárias: uso adequado de insumos; controle de pragas e doenças, visando principalmente à redução do uso de agrotóxicos na agricultura; produção de mudas e a implantação de um sistema de gerenciamento de custos.

“Esse curso é muito importante para nós, pois estamos com dificuldades para combater as pragas. Queremos aprender como lidar com esse problema, evitando o máximo o uso de agrotóxicos”, argumentou Valdir Aparecido Fodra, presidente da Sustengar.

Segundo o engenheiro agrônomo Flávio Wirgues, coordenador do Programa de Olericultura da EDR, o primeiro passo foi capacitar os profissionais do escritório regional sobre as modernas técnicas de controle de pragas, manejo integrado, monitoramento no campo e conhecimento biológico dos inimigos naturais que combatem as pragas, como fungos e bactérias.

Ainda de acordo com o coordenador, o curso prepara o produtor para identificar qual o ciclo de vida da praga que afeta a lavoura, para que possa utilizar o produto adequado e ter efetividade no combate. “Hoje estamos mostrando a biologia das principais pragas que afetam a cultura desses agricultores, para que eles compreendam como essas pragas entram na lavoura, como se proliferam, quais os danos e, a partir daí, iremos discutir a forma de monitoramento”.

O coordenado disse ainda. “Essa ação vem ao encontro do trabalho forte da nossa regional na  questão da segurança alimentar, cujo um dos tópicos é o uso racional dos insumos”.

O evento teve o apoio da Prefeitura de Garça, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente. “A Prefeitura apoia todo evento que traz para o município aumento de produtividade agrícola de forma sustentável, como é o caso desse evento da CATI”, afirmou o secretário Victor Mafud.

 

FacebookTwitterWhatsAppImprimir

Voltar para a listagem de notícias

Conheça Garça

CALENDÁRIO DE EVENTOS

ACOMPANHE-NOS

UNIDADES FISCAIS

Fique por dentro dos índices - ver todas

Nenhuma unidade fiscal cadastrada no momento!