Ir para o conteúdo

Prefeitura de Garça - SP e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
CIDADÃO
CIDADÃO
EMPRESA
EMPRESA
SERVIDOR
SERVIDOR
TRANSPARÊNCIA
TRANSPARÊNCIA
Prefeitura de Garça - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Atendimento whatsApp
Rede Social Canal de Notícias no WhatsApp
Rede Social Tiktok
Rede Social Youtube
Rede Social Instagram
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAI
02
02 MAI 2023
DEFESA CIVIL
FESTAS E EVENTOS
413 visualizações
Defesa Civil de Garça participa de treinamento estadual sobre estiagem
Foto Noticia Principal Grande
Auditório onde aconteceu o treinamento teórico do OPOE 2023
enviar para um amigo
receba notícias
Evento aconteceu na cidade de Marília
No dia 12 de abril aconteceu, em Marília, um treinamento preparatório para a operação estiagem (OPOE), promovido pela Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil do Estado de São Paulo e que reuniu dezenas de participantes vindos de 51 cidades da região. A proposta da Defesa Civil do Estado é reduzir os incêndios florestais.
Representando Garça estiveram o Presidente da Defesa Civil, Júlio Cesar Martins Teixeira, e os brigadistas Leandro Antônio Gomes de Sá, Luiz André Ferreira Leite, Rodrigo Jorge de Melo e Antônio Sérgio Gonçalves.
“Esta segunda oficina preparatória para a operação estiagem consistiu num treinamento muito preciso, pois além de trazer técnicas e estratégias para o enfrentamento de incêndios, habilitou Garça a conquistar o kit estiagem”, disse o Presidente da Defesa Civil de Garça.
O kit estiagem é composto por bomba costal com capacidade de 20 litros de água, abafadores, enxadas, facão, lanterna e outros aparelhos, e o equipamento tem utilidade imprescindível durante o período da operação estiagem e é fundamental para o enfrentamento e controle de fogo e focos de incêndio.
Júlio Cesar continua a explicação: “De agora até julho passaremos por um período muito seco, com poucas chuvas, e isso é preocupante. Quando o assunto é segurança, treinamento é primordial, pois como disse: entre maio e julho viveremos o tempo da estiagem e isso aumenta as chances de incêndios”.
As técnicas ensinadas visaram a qualificação e o aperfeiçoamento das brigadas municipais, responsáveis pelo combate a incêndios em mato. Instruções técnicas como acionamento do plano de contingência, monitoramento da umidade relativa do ar, inserção de dados no sistema integrado da Defesa Civil, protocolo de acionamento de aeronaves e crimes ambientais relacionados a incêndio consistiram nas bases do curso.
Além da parte teórica, houve uma parte prática, organizada pelo Corpo de Bombeiros, onde foram expostas as técnicas de materiais básicos de combate a incêndio em floresta.
Todos os participantes da oficina serão os multiplicadores do Sistema Estadual de Proteção e Defesa Civil em suas cidades.
O prefeito de Garça, João Carlos dos Santos, observou que a capacitação dos servidores que atuam na Defesa Civil do Município permitirá um melhor preparo para a estiagem. “Os dados comprovam que, uma vez treinada e capacitada, a Defesa Civil tem muito mais êxitos no enfrentamento do fogo”, observou.
O chefe do Poder Executivo lembrou que sua administração adquiriu, recentemente, um conjunto de combate a incêndio para pick-up, com tanque de capacidade de 400 litros de água, afim de melhorar e agilizar o atendimento da Defesa Civil de Garça. “Aproveito a oportunidade para transmitir o agradecimento de Garça ao efetivo do Corpo de Bombeiros que ofereceu o treinamento e a organização desta oficina, por meio da Defesa Civil do Estado, em especial à Capitão PM Lurela Tamião, Oficial do Corpo de Bombeiros responsável pela Regional de Proteção e Defesa Civil”. 
 
Queda nos focos de incêndio
Em 2022 houve uma queda recorde nos focos de incêndio no Estado de São Paulo. De acordo com dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, o INPE, o registro da queda alcançou 79%.
O Painel Geoestatístico dos Incêndios Florestais em Unidades de Conservação e Áreas Protegidas publicado pela Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente, por sua vez, registrou uma queda de 69% na incidência de incêndios nos parques florestais do Estado.

 
Fonte: SECOM - Secretaria de Comunicação e Eventos
Autor: Fábio Bonassa
Seta
Versão do Sistema: 3.4.1 - 29/04/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia