Ir para o conteúdo

Prefeitura de Garça - SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Garça - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
DEZ
06
06 DEZ 2021
ASSISTÊNCIA SOCIAL
1025 visualizações
Caminhada marca chegada da Fazenda da Esperança em Garça
Foto Noticia Principal Grande
Local onde será instalada Fazenda da Esperança em Garça, no bairro Jardim São Lucas
enviar para um amigo
receba notícias
PROCESSANDO ÁUDIO
Única unidade da Diocese de Marília será instalada no Jardim São Lucas
Uma caminhada no sábado, 4 de dezembro, no período da manhã, marcou o lançamento da pedra fundamental da unidade de Garça da Fazenda da Esperança, um centro para recuperação de pessoas que buscam a libertação de seus vícios, principalmente álcool e drogas.
Em Garça o projeto será instalado em uma área de 2,3 hectares que foi doada pelo empresário José Lourenço e sua família, e está localizada no bairro Jardim São Lucas.
A “caminhada da esperança”foi prestigiada. Estiveram presentes munícipes que apoiam o projeto, o Bispo da Diocese de Marília, Dom Luiz Cipolini, o Pároco local, Padre Anderson Messina Perini, o Padre José Luiz de Meneses, presidente da regional sudeste da Fazenda da Esperança, Irena Lourenço, representando a família Lourenço, doadora do terreno, e de autoridades do poder municipal, já que a ação vai ao encontro das políticas públicas, entre elas o Prefeito João Carlos dos Santos, a primeira dama e presidente do Fundo Social de Garça, Cláudia Maria Furlaneto dos Santos, o Vice-Prefeito Flávio Peres, sua esposa Mara Peres, a Secretária da Saúde, Deyse Regina Serapião Grejo, o Secretário de Comunicação e Eventos, Fábio Bonassa, a Secretária de Assistência e Desenvolvimento Social, Hélide Parrera, diretores da Assistência Social e, representado a Câmara Municipal, o Vereador Fábio Santos.
Assista ao vídeo gravado na chegada caminhada e do lançamento da pedra fundamental clicando aqui.
O Bispo Dom Osvaldo realizou a bênção da pedra fundamental da unidade de Garça da Fazenda da Esperança. Em suas palavras foi muito sincero ao dizer: “Agora todos que aqui estão presentes são fazendeiros. Isto quer dizer que todos tem a sua parcela de responsabilidade para com o andamento deste projeto. E sabemos que cada um vai assumir a sua parte”.
Na sequência a pedra fundamental foi colocada em uma pequena cova com uma cápsula do tempo contendo os jornais locais que anunciaram a chegada da instituição, a relíquia de Santa Dulce dos Pobres e a relíquia de São Francisco, com a terra da tumba.
O Pároco da cidade, Padre Anderson, assim definiu a instalação da Fazenda da Esperança em Garça: “Na minha opinião primeiro é um sinal de Deus. A doação deste local para a sua instalação mostra que Deus quer que Garça trabalhe com este projeto, este carisma. Segundo é um fato histórico tanto pra nossa cidade, como para nossa paróquia, pra nossa Diocese, já que é a primeira Fazenda da Esperança na ponta da Diocese de Marília. Então este trabalho traz muita esperança, tanto para aqueles que vão ser recuperados neste lugar onde Deus vai estar presente, quanto para toda a nossa sociedade para que haja esperança de conversão, de mudança, de vida nova para quem às vezes encontra o caminho das trevas mas aqui se encontrar em um bom caminho”.
Diretoria da Fazenda da Esperança de Garça
A diretoria da Fazenda da Esperança em Garça é composta por Frei Zilmar Augusto, presidente, Wágner Peres, vice-presidente e Deyse Regina Serapião Grejo, secretária.
Após o lançamento da pedra fundamental, Frei Zilmar falou sobre o momento: “Hoje tenho o sentimento de muita esperança. Há anos que nós estamos procurando um espaço para instalar a Fazenda da Esperança aqui em Garça, e Deus nos surpreendeu nos arrumando este espaço maravilhoso. Agradeço a Deus e à família Lourenço, doadora do terreno”. Frei Zilmar deixou claro que todo o trabalho vinculado à Fazenda da Esperança é voluntário: “Aqui é tudo voluntário. Nós precisamos de mais pessoas que querem colocar seu dom a serviço. Seja pintor, seja pedreiro, venha nos ajudar neste espaço esperançoso. A nossa expectativa é que, com o apoio de todos, a Fazenda da Esperança comece a funcionar, a receber as pessoas, no fim do primeiro semestre do ano que vem”.
O vice-presidente Wágner Peres, também externou seu sentimento: “É um momento histórico para a cidade de Garça nós termos uma unidade aqui na cidade, que é uma obra muito bonita e que está no mundo todo, mas é a primeira da Diocese de Marília. Isto é muito marcante, nós aqui em Garça chegarmos a este momento emocionante, com a doação da área pela família Lourenço e o esforço de todos”.
A Secretária da Saúde e secretária da Fazenda da Esperança de Garça se manifestou: “Hoje é um momento de alegria, de gratidão à família do Sr. José Lourenço. Aqui nós vamos resgatar vidas, transformar a vidas destas pessoas. A Hosfram – Hospedaria Franciscana de Misericórdia -, com seu trabalho de três anos também está presente aqui. E nós vamos contar com o envolvimento da sociedade, dos empresários, porque a fazenda vive de doações, então o envolvimento de todos será muito importante para a manutenção do local”.
Palavra das autoridades
O Prefeito de Garça falou aos presentes: “Este é um momento de muita alegria para todos nós. Sabemos que temos um grande caminho, muitos desafios pela frente, mas eu não tenho dúvida que a participação das pessoas, de toda a sociedade, que irão tomar as providências necessárias. Agradecer em nome do Bispo Dom Luiz, do Padre Anderson, o apoio de vocês na consolidação deste projeto. O Frei Zilmar, que está à frente do projeto, tenho certeza que vai nos proporcionar o caminho correto e tenha certeza que nós vamos apoiar incondicionalmente. E a família Lourenço. O Zé Lourenço é um amigo de longa data e fica aqui o nosso muito obrigado pela sensibilidade, pelo olhar, e tenham certeza que foi uma importante colaboração para a concretização deste projeto. E as pessoas que estão aqui nesta manhã, que caminharam lá da Matriz até aqui de alguma forma são fiadores, avalistas deste projeto, então cabe a cada um de nós dar continuidade e efetividade nesta unidade da Fazenda da Esperança em Garça”.
O Vice-Prefeito Flávio Peres também apóia o projeto e se manifestou: “Primeiramente eu quero agradecer ao povo de Garça e, especialmente, à família do Zé Lourenço, que fez esta doação. Porque a Fazenda da Esperança não tem nenhum dinheiro público, vive de doações, do voluntariado. Começou bem com a doação deste belíssimo terreno por meio de um particular, de um antigo industrial de Garça. A Fazenda da Esperança é muito interessante porque ela recupera pessoas mas dá mais conforto para as famílias, para as mães e os pais que sofrem muito com a dependência, para os amigos também. Então é uma esperança não só para Garça mas também para a região, para o estado, para o Brasil este projeto. Uma das coisas que eu gostei muito é da liberdade, a pessoa fica aqui se quiser. Porque o homem é bom, a mulher é boa até o dia que eles querem. Quando decidem que vai ser ruim, assim acontece. Mas eu conversei com o pessoal e eles afirmam que a maior parte ficar, a grande maioria que procura a Fazenda da Esperança se recupera, e isso deixa todo mundo muito feliz”.
Quando a Fazenda da Esperança foi criada?
O projeto surgiu em 1.979 na cidade de Guaratinguetá, interior de São Paulo, e foi criado pelo frade franciscano Hans Stapel e pelo leigo Nelson Giovanelli Rosendo dos Santos.
Desde 1983 a comunidade da Fazenda da Esperança atua no processo de recuperação de dependentes químicos. O método de acolhimento contempla três aspectos determinantes: o trabalho como processo pedagógico; a convivência em família; e a espiritualidade para encontrar o sentido da vida.
Presente em 22 países, nos continentes africano, asiático, americano e europeu, o projeto da Fazenda da Esperança tem 141 unidades espalhadas. Desse total, 93 estão no Brasil. Com o aumento dos graves problemas sociais que assolam a humanidade, a Fazenda da Esperança está em constante crescimento.
As pessoas que se identificam com o carisma da Fazenda podem encontrar sua vocação na Igreja fazendo parte da Família da Esperança, uma associação privada de fiéis, de caráter internacional, reconhecida pelo Pontifício Conselho para os Leigos, cuja missão é “levar a Esperança, Jesus Cristo, ao maior número de jovens do mundo inteiro”, conforme as palavras do Papa Bento XVI.


 
Autor: Fábio Bonassa
Local: SECOM - Secretaria de Comunicação e Eventos
Seta
Versão do Sistema: 3.2.5 - 03/08/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia