Ir para o conteúdo

Prefeitura de Garça - SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Garça - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
ABR
18
18 ABR 2022
566 visualizações
Projeto de capacitação de professores e coordenadores para verificar a saúde mental de jovens
enviar para um amigo
receba notícias
PROCESSANDO ÁUDIO
A ideia é que seja elaborado um levantamento de adolescentes e familiares para melhorar a convivência escolar e acolher aos que precisam de ajuda de saúde especializada.
A Prefeitura Municipal, através da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, do Fundo Social e da Secretaria Municipal de Saúde está desenvolvendo um Projeto junto a FAEF para o acolhimento de estudantes e familiares, com foco na saúde mental.
 
No dia 11 de abril, segunda-feira, houve uma capacitação de docentes e coordenadores da Escola Nely Carbonieri de Andrade, para implantação deste projeto com os alunos da escola. O objetivo é proporcionar acolhimento e uma escuta interessada no ambiente escolar, através da conscientização destes adolescentes sobre a importância da saúde mental e o autocuidado.
 
A ideia do Projeto foi uma iniciativa da esposa do Vice Prefeito, Mara Peres, da Primeira Dama e Presidente do Fundo Social, Cláudia Furlaneto dos Santos, Secretária Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Hélide Maria Parrera, da psicóloga Jéssica S. Polizinani, da Secretária de Saúde, Deyse Regina Serapião Grejo e da Diretora da Faculdade de Ensino Superior FAEF, Vanessa Zappa.
 
Segundo a Secretária Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Hélide Maria Parrera, a proposta é voltada para o público pré-adolescentes e contará com o apoio de estagiários e professores do curso de Psicologia, no intuito de se encaminhar os alunos que necessitem de apoio especializado para os locais de saúde. “Será feito um levantamento de demandas dentro da escola, a psicóloga e alguns estagiários vão trabalhar essas demandas e os seus encaminhamentos, seja para o CRAS em um atendimento familiar, ou no CAPES, para um atendimento mais voltando para a saúde mental desses jovens ou, até mesmo, de seus familiares”.
 
Assinatura 4 logos
Autor: Andreza Levorato Sega
Local: SECOM - Secretaria de Comunicação e Eventos
Seta
Versão do Sistema: 3.2.5 - 03/08/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia