Ir para o conteúdo

Prefeitura de Garça - SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Garça - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
SET
03
03 SET 2021
MEIO AMBIENTE E AGRICULTURA
898 visualizações
SAMA alerta sobre aumento de casos de cinomose em cães da cidade
PROCESSANDO ÁUDIO
A doença é viral e pode acometer cães de todas as idades, em especial, animais com até seis meses de vida e os mais idosos
A Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente de Garça, SAMA, alerta que está ocorrendo um aumento do número de casos de cinomose em cães na área urbana da cidade. Muito comum nos meses mais frios, a cinomose está sendo cada vez mais registrada também nos demais meses do ano nas cidades. Pode acometer cães de todas as idades, especialmente cães com até seis meses de vida, porém, animais mais idosos também estão mais suscetíveis.
De acordo com o veterinário da SAMA, Matheus Berno, o mais importante é a prevenção, que é feita por meio do uso de vacinas polivalentes, presentes nas clinicas veterinárias, pet shops ou com o veterinário de sua confiança. “A cinomose tem cura e como toda doença viral, depende muito do sistema imunológico do animal para combater o vírus. A observação do cão pode fazer toda a diferença para que ele seja diagnosticado a tempo de ser salvo”, completou o veterinário.
A transmissão se faz pelas vias oral e nasal, por meio de secreções, e da urina de cães contaminados. O vírus é altamente contagioso e cães saudáveis que entram em contato com cães infectados têm grande probabilidade de adquirir a doença, quando não vacinados adequadamente.

O que deve ser observado?
  • Diarreia;
  • Secreção ocular e nasal de cor amarelo esverdeada;
  • Febre;
  • Inapetência;
  • Tristeza;
  • Desânimo;
  • Espasmos musculares involuntários;
  • Perda de coordenação motora;
  • Convulsões.
Autor: Ana Lúcia Bez
Local: Secom - Secretaria de Comunicação
Seta
Versão do Sistema: 3.1.5 - 04/10/2021
Copyright Instar - 2006-2021. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia