Ir para o conteúdo

Prefeitura de Garça - SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
CIDADÃO
CIDADÃO
EMPRESA
EMPRESA
SERVIDOR
SERVIDOR
TRANSPARÊNCIA
TRANSPARÊNCIA
Prefeitura de Garça - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Tiktok
Rede Social Twitter
Rede Social Youtube
Rede Social Instagram
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
NOV
04
04 NOV 2021
DESENVOLVIMENTO URBANO
1119 visualizações
Plano Diretor de Acessibilidade e Mobilidade Urbana de Garça é apresentado aos Conselhos Municipais
enviar para um amigo
receba notícias
Uma audiência pública está prevista para o dia 17 de novembro e a Prefeitura convida toda a população para participar
A Prefeitura de Garça realizou na noite desta quarta-feira, dia 3, no auditório da Secretaria Municipal de Educação, uma apresentação para discussão de propostas e apresentação dos relatórios e diagnósticos contidos no Plano Diretor de Acessibilidade e Mobilidade Urbana. O resultado do levantamento realizado no município foi exibido para um público formado por membros dos Conselhos Municipais de Garça.
“Será realizada uma audiência pública, prevista para o dia 17 de novembro, para que a população e toda a sociedade organizada tenham a oportunidade de participar dessa importante etapa de planejamento do crescimento ordenado e sustentável do município, norteando as ações e intervenções a serem realizadas pela Administração Municipal agora e para os próximos anos, para a melhoria da circulação de pedestres, ciclistas, veículos, cargas e transporte coletivo”, informou o Secretário Municipal de Planejamento e Desenvolvimento Urbano, Daniel Piola Neto.  
As pesquisas para obtenção dos dados que compõem o Plano Diretor de Acessibilidade e Mobilidade Urbana foram realizadas pela Fundação Paulista de Tecnologia e Educação, por meio do Centro de Tecnologia em Geoprocessamento, CTGEO. As entrevistas foram feitas de forma virtual e in loco, em diferentes pontos do município e durante os horários de maior fluxo e locomoção de pessoas. 
Além do diagnóstico detalhado, de mapas, gráficos e planilhas, o plano é composto por um conjunto de objetivos e metas de curso, para médio e longo prazos, que buscam estratégias, recursos materiais e humanos, que se unem para uma efetiva transformação local, sempre visando ao desenvolvimento da cidade de modo a satisfazer as necessidades, principalmente dos garcenses.
Para chegar às conclusões e propostas, foram realizados os seguintes levantamentos, que serão apresentados, de forma transparente, durante as audiências públicas:
- realização de inventário da infraestrutura viária, com atenção para as condições das calçadas e travessias;
- realização de inventário das condições de segurança no trânsito, sinalização viária e dimensões das vias;
- identificação das demandas de transporte na zona rural;
- aplicação de pesquisas com ciclistas sobre o uso de bicicleta, incluindo origens e destinos, rotas e problemas enfrentados;
- elaboração de mapas temáticos da cidade com as informações obtidas segundo características homogêneas, como tipo de ocupação, perfil social e econômico da população, dados de origem e de destino;
- produção de mapa que represente a hierarquia viária atual;
- identificação das orientações da política urbana estabelecida no plano diretor urbana;
- identificação dos vetores de crescimento urbano e das áreas de expansão populacional;
- identificação de novos empreendimentos empresariais na área de comércio, serviços e indústrias;
- identificação de projetos existentes, com atenção para projetos de outras instâncias, como os do Governo Estadual;
- realização da projeção populacional para um horizonte de dez anos, ou mais, e sua localização de acordo com as diretrizes urbanísticas, ou tendencial, com base nos dados obtidos;
- análise da malha viária, especialmente sob o ponto de vista da sua capacidade de suporte para o atendimento de demandas futuras de transporte coletivo, de circulação a pé e por bicicletas;
- análise da regulamentação em vigor sobre os transportes, especialmente sobre o transporte público por modos coletivos e individuais (concedido, fretamento, táxi, escolar, mototáxi);
- análise da organização da gestão pública da mobilidade urbana, em especial, prevendo a possível elevação das demandas e o crescimento urbano;
- identificação das necessidades e propostas para estímulo ao deslocamento a pé e por bicicleta de forma segura e acessível;
- identificação de deficiências e proposta para a melhoria do transporte escolar rural;
- identificação dos conflitos de tráfego de passagem porventura existentes, em especial com rodovias e ferrovias e proposição de soluções,
- instituição de programa de segurança de trânsito.
Autor: Ana Lúcia Bez
Local: Secom - Secretaria de Comunicação e Eventos
Seta
Versão do Sistema: 3.2.8 - 16/11/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia