Ir para o conteúdo

Prefeitura de Garça - SP e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
CIDADÃO
CIDADÃO
EMPRESA
EMPRESA
SERVIDOR
SERVIDOR
TRANSPARÊNCIA
TRANSPARÊNCIA
Prefeitura de Garça - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Atendimento whatsApp
Rede Social Canal de Notícias no WhatsApp
Rede Social Tiktok
Rede Social Youtube
Rede Social Instagram
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JUL
21
21 JUL 2022
AGRICULTURA E AGROPECUÁRIA
MEIO AMBIENTE
938 visualizações
Atenção contra a Raiva de Herbívoros
enviar para um amigo
receba notícias
A Coordenadoria de Defesa Agropecuária divulga o Programa Estadual de Controle da Raiva dos Herbívoros (PECRH) e ao monitoramento de ocorrências envolvendo espécies invasoras (Javali)
O Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Defesa Agropecuária do Estado de São Paulo, desenvolve o Programa Estadual de Controle da Raiva dos Herbívoros dentro do estado paulista.
 
O Programa visa proteger os rebanhos suscetíveis à doença, mediante vacinação, o controle dos transmissores e do trânsito de animais, desenvolvendo um sistema eficaz de vigilância epidemiológica e estimulando a participação comunitária na defesa sanitária animal, diminuindo o agravo à produção pecuária e preservando a saúde pública.
 
A raiva causa prejuízos aos produtores, pela morte de animais, além da espoliação pelo morcego transmissor hematófago. Para o Estado, os prejuízos decorrem de gastos com diagnósticos, vacinas e pessoal que atua na prevenção da doença. A doença é considerada pela comunidade internacional como um fator de depreciação do produto produzido em terras paulistas.
 
Sendo uma zoonose, a raiva representa também sérios riscos à saúde pública, pois pode ser transmitida para o homem e necessita que seja feito o acompanhamento vacinal da pessoa mordida.
 
A presença do javali em território paulista representa importante ameaça ambiental, econômica e social, conforme indicado na Deliberação CONSEMA nº 30/2011 (SÃO PAULO, 2011) e de acordo com relatório do Grupo de Trabalho criado pela Resolução SAA nº 42, para estudar os impactos ambientais, sociais e econômicos da expansão populacional dessa espécie no estado.
 
A expansão desses animais está colocando em risco a conservação dos ecossistemas, em especial a biodiversidade nativa, a saúde pública e a integridade da economia agroindustrial do Estado de São Paulo e do Brasil como um todo, sendo justa a implementação de ações efetivas, eficazes e eficientes de prevenção, monitoramento e controle da população dessa espécie exótica invasora, de forma convergente e complementar ao Plano Nacional de Prevenção, Controle e Monitoramento do Javali (IBAMA, 2017) coordenado pelos Ministérios do Meio Ambiente e de Agricultura e Abastecimento.
 
Para maiores informações procure o Inspetoria de Defesa Agropecuária de Garça - IDA de Garça, que está localizado rua Sargento Wilson Abel de Oliveira, 583, de segunda a sexta, das 7h30 às 11h30 e das 13h às 17h, ou pelo telefone (14) 3471-1033.

 
Assinatura 4 logos
Autor: Andreza Levorato Sega
Local: SECOM - secretaria de Comunicação e Eventos
Seta
Versão do Sistema: 3.4.1 - 29/04/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia